Separe-se e renove-se!

Casamento, Filhos  /   /  Por Mônica Japiassú

Nesta semana me separei da minha família.

Caaaalma, que a separação de que estou falando não passa nem perto do sentido de divórcio, que deve ter sido o que logo passou pela sua cabeça, né? 😉

Fiquei 5 dias em curso, em outro Estado, longe do Marcelo, da Amanda e da Letícia, longe da rotina diária da Família Quadrada, longe do dia a dia do meu trabalho – e, ao contrário do que possa parecer num primeiro momento, isso foi muito bom para mim.

Pude aproximar-me de mim mesma, ficar sozinha com meus pensamentos, sem as diversas interrupções normais do dia a dia, e consegui refletir, fazer atividades que me proporcionaram satisfação pessoal, além de dormir 8 horas ou mais por noite, o que não faço normalmente de segunda a sexta – e acaba me deixando sem energia.

Outro benefício grande desta semana foi o fato de eu não ter precisado realizar nenhuma tarefa doméstica, o que me gerou mais energia para gastar comigo mesma. Enfim, eu só tive uma proveitosa e enriquecedora obrigação durante esses dias: participar, das 9h às 18h, do curso que eu estava fazendo. No restante do tempo, eu me encontrei comigo mesma. E foi muito bom. 🙂

Ao mesmo tempo, também foi um período muito bom para o Marcelo e as meninas, que tiveram que se virar a semana inteira sem mim – o que fez com que eles ficassem mais unidos e cúmplices para manter o dia a dia da Família Quadrada. Até o Marcelo gostou de não precisar ficar ouvindo as meninas gritarem mamããããe várias vezes ao dia! 🙂

Recomendo que todos tirem um tempo para si em algum momento. Não esperem surgir uma oportunidade: CRIEM a oportunidade! Não precisa haver uma viagem, um curso nem ficar fora por tantos dias. Pode ser uma rotina de uma hora por dia, pode ser apenas um final de semana, pode ser um dia. Esse meu curso apareceu por acaso, mas transformamos o que poderia ter sido sofrido (por causa das saudades) em uma oportunidade para realizar essa nossa renovação.

Renovar é preciso. Às vezes, sentimos que nossa vida não vai para a frente, que há tanta coisa a se fazer e tão pouco tempo para desfrutar, mas o que nos falta, na verdade, é separar algum tempo para o autoconhecimento. Só assim podemos refletir, concluir o que estamos fazendo de errado e definir o que é necessário fazer de diferente para aumentarmos nossa satisfação pessoal.

Em nosso caso, esta semana de renovação e autoconhecimento serviu para conseguirmos pensar com mais clareza nos desafios que queremos executar em 2015 e quais serão nossos passos para alcançá-los!

E você, já está pensando em como será seu próximo ano? Que tal criar agora a oportunidade para um encontro com você mesmo? 🙂

Gostou desta matéria? Leia estas também!

Decidir unir as escovas de dentes traz junto outras responsabilidades. Afinal, viver sob o mesmo...

No começo do namoro tudo é festa. É aquele mundo novo, cheio de novidades, paixão e alegria. A...

A ideia de que só o amor sustenta um relacionamento é tão ultrapassada, que deveria ficar apenas...

3 comentários
 
  1. José Matos (pai da Mônica) 8 de dezembro de 2014 at 08:39 Responder

    Como faço para me separar de mim mesmo?

    • Mônica Japiassú 8 de dezembro de 2014 at 10:31 Responder

      Hehehehe! Boa pergunta! Faça uma reflexão e encontre uma solução! 😉

      • José Matos (pai da Mônica) 19 de dezembro de 2014 at 13:15 Responder

        🙂

Deixe uma resposta