Papai Noel fora de época?

Filhos, Nós babando e elas crescendo  /   /  Por Mônica Japiassú

Uma das inúmeras virtudes que uma mãe precisa ter é a criatividade.

Anteontem, do nada, a Letícia falou: “-Eu vou dar a chupeta e o paninho pro Papai Noel!”. Já tínhamos falado sobre isso algumas poucas vezes com ela, mas antes ela dizia que ia dar e no segundo seguinte já desistia.

Quando ela falou isso anteontem, eu disse para ela colocar a chupeta e o paninho perto da varanda, que o Papai Noel passaria para pegá-los e deixaria um presente em troca. A Amanda ficou mais empolgada com essa ideia do que a própria Letícia! E, para sua frustração, a irmãzinha – mais uma vez – desistiu de dar a chupeta pro Papai Noel.

A Amanda ainda tentou, em vão, convencer a irmãzinha, mas não teve jeito. Ela foi dormir com a chupeta na boca. Eu falei para a Amanda não insistir, pois o Papai Noel só iria deixar um presente para a Letícia se ela deixasse todas as suas chupetas para ele.

Ontem de manhã, logo que acordaram, a Amanda foi tentar convencer a Letícia a deixar a chupeta na varanda para o Papai Noel pegar – e conseguiu! A Letícia colocou sua chupeta, numa boa, dentro de um pote que colocamos na varanda (a chupeta ficou embrulhada em um guardanapo). E a Amanda quis escrever um bilhetinho para deixar junto com a chupeta para o Papai Noel:


Nesse momento, acho que a ansiedade da Amanda era tão grande, que ela até esqueceu do detalhe de que a Letícia deveria deixar todas as chupetas na varanda.

Ao voltar da escola, a primeira coisa que a Amanda quis fazer foi olhar se o Papai Noel havia levado a chupeta embora. Foi até a varanda e, como viu o guardanapo dentro do pote, achou que o Papai Noel ainda não tinha passado. A chupeta não estava mais lá, mas ela não percebeu.

Depois perguntei à Letícia se ela queria dar todas as suas chupetas para o Papai Noel, para ele deixar um presente pra ela. Ela aceitou e peguei todas as chupetas da casa e entreguei para ela, que colocou tudo dentro do pote com a ajuda da Amanda.

Na hora de dormir, foi para a cama apenas com um paninho (a abstinência tem que ser em partes – primeiro a chupeta, e o paninho fica pra depois), mamou e dormiu logo, sem reclamar.

Qual será a continuação dessa história? Será que ela acordou de madrugada chorando e pedindo a chupeta? Será que nós cedemos, com peninha dela? Ou será que cedemos porque não queríamos ouvir choro? Ou será que a noite foi tranquila e a Letícia parou mesmo de chupar chupeta?

No próximo post vocês ficarão sabendo! 😉

Gostou desta matéria? Leia estas também!

Quem acompanhou a minha terceira gravidez pelo Instagram deve lembrar das fotos semanais que eu...

Ontem, poucos minutos antes da hora de dormir, a Priscila cismou que queria jogar Wii. Nós...

– Por que vocês quiseram ter filhas?Essa foi a pergunta que eu e Marcelo ouvimos da Lelê, enquanto...

4 comentários
 
  1. José (pai da Mônica) 12 de outubro de 2011 at 12:05 Responder

    E aí, cadê o capítulo seguinte?

  2. rosana bianchi 6 de outubro de 2011 at 19:31 Responder

    aguardando as cenas do próximo capítulo!!!
    rs bjs

  3. Michele 6 de outubro de 2011 at 16:30 Responder

    Eu acho que ela não deu trabalho e dormiu a noite toda.

  4. Lúcia Japiassú 5 de outubro de 2011 at 23:12 Responder

    KAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKA…duvido que ela tenha dormido a noite inteira sem a chupeta!
    Voto no “cedemos porque não queríamos ouvir choro” 🙂

Deixe uma resposta